Estação das Docas

Na orla entre a modernidade e a cultura ribeirinha, a Estação das Docas prova que a inovação arquitetônica e a recuperação do patrimônio histórico podem viajar juntas e em perfeita harmonia. Fotos: Osvaldo Forte

Vista de Belém

Portas de entrada do fascinante mundo amazônico. Está localizado na foz direita do rio Amazonas e abaixo 1º da linha do Equador, por esta razão seu clima é quente e úmido, porém chuvosa e ventilada, o que ameniza o calor de Belém. Fotos: Osvaldo Forte

Metrólopole da Amazônia

Historicamente, constituiu-se na principal via de entrada na região norte do Brasil, tendo uma posição geográfica privilegiada. Situada às margens do rio Guamá, próxima à foz do rio Amazonas. Fotos: Osvaldo Forte

Belém do Pará

Vivenciou momentos de plenitude, entre os quais o período áureo da borracha, no início do século XX, quando o município recebeu inúmeras famílias européias, o que veio a influenciar grandemente a arquitetura de suas edificações, ficando conhecida na época como Paris nAmérica.. Fotos: Osvaldo Forte

A Capital do Norte

Exerce significativa influência nacional, seja do ponto de vista cultural, gastronômico econômico ou político. Conta com importantes monumentos, parques e museus, como o Theatro da Paz, o Museu Paraense Emílio Goeldi, o mercado do Ver-o-Peso, e eventos de grande repercussão, como o Círio de Nazaré. Fotos: Osvaldo Forte

 

BELEMTUR - Coordenadoria Municipal de Turismo

A BELEMTUR é a Coordenadoria Municipal de Turismo do município de Belém e possui como objetivo planejar, coordenar, controlar e avaliar as atividades relacionadas com o turismo no município do Belém, nos termos da política nacional de turismo. Endereço da Belemtur: Av. Presidente Vargas, nº158, 13º andar, Campina, Cep: 66010-000.

Belém será o ponto de partida de cruzeiro americano de expedição

55656_149682Ontem à noite (03) e na manhã deste sábado (04), um grupo de 80 turistas, vindo de Miami, chegou à capital paraense para embarcar no “M/S Sea Adventurer”, um navio americano de expedições com foco voltado para a exploração e aventura. O cruzeiro sairá da escadinha da Estação das Docas e os pasfsageiros ficarão até o dia 7 de abril a bordo em uma viagem que vai visitar também municípios da Ilha do Marajó.

Na manhã de hoje, os viajantes foram recepcionados pela Coordenadoria Municipal de Turismo (Belemtur), na Estação das Docas, com a entrega de mapas e informações turísticas da cidade e participaram de uma apresentação de carimbó.

O primeiro dia do roteiro envolveu excursão por Belém e proximidades. A programação teve passeio de barco à Ilha dos Papagaios, Furos de São Benedito, Maracujá, Maracujazinho e entorno da Ilha do Combu; visita à comunidade extrativista de Boa Vista do Acará; caminhada pelo Mercado do Ver-o-Peso; visitas ao Jardim Botânico Bosque Rodrigues Alves e ao Museu Paraense Emílio Goeldi e um breve city tour pelos principais pontos turísticos da cidade.

55656_149683Para José Lucas, da Belemtur, é muito importante para o turismo da cidade que Belém faça parte do roteiro de cruzeiros deste tipo. “O grupo de turistas a bordo é formado, em sua maioria, por biólogos, ecologistas e profissionais especialistas na área. Ou seja, é um público com um perfil diferenciado que vem apreciar, explorar e aprofundar seus conhecimentos sobre a imensa variedade de espécies da fauna, da flora e das riquezas naturais da nossa região”, ressalta.

O cruzeiro segue viagem no final da tarde deste sábado, com destino a região do Arquipélago do Marajó. O navio passará pelo Rio Canaticu, no município de Curralinho, onde os turistas visitarão comunidades produtoras de açaí à margem do rio. O roteiro continua pelos estreitos de Breves até o município de Afuá, onde termina a expedição por águas e terras paraenses.

“É um cruzeiro diferenciado, que tem atraído muitos turistas. O foco é mesmo a natureza, a comunidade, a aventura, a exploração destes ambientes naturais e o Pará é uma região perfeita para isto. Certamente será uma experiência enriquecedora para os nossos cruzeiristas”, conta Gelderson Pinheiro, da Rumo Norte Expedições, operadora local que faz o receptivo do cruzeiro neste trecho da viagem, que depois de Afuá segue rumo à Trinidad & Tobago, próximo à Venezuela.

 

Texto: Lilianne Villacorta
Foto: Alessandra Serrão – NID/Comus
Coordenadoria de Comunicação Social (COMUS)